Câmara aprova convênio entre Prefeitura e Santa Casa para Pronto Atendimento em 2020

Na última sessão do ano de 2019, realizada no dia 27 de dezembro, a Câmara de Patrocínio Paulista aprovou o Projeto de Lei 68/2019 que autoriza o convênio entre a Prefeitura e Santa Casa para o Pronto Atendimento da rede pública de saúde no ano de 2020.

De acordo com o projeto, o município irá repassar ao hospital o valor de R$ 261 mil mensais para o hospital. Caso os valores não sejam usados na totalidade, serão destinados a outros serviços, como exames, por exemplo. Os termos propostos foram acordados durante audiência que foi realizada no Fórum de Patrocínio Paulista no dia 12 de novembro.

A Câmara também aprovou por unanimidade o Projeto de Lei 67/2019 que autoriza o Poder Executivo a parcelar dívida com a Santa Casa.

 
 
 

Vereadores estão preocupados com situação de condomínios irregulares

A situação dos condomínios irregulares voltou a ser tema de discussão na Câmara de Vereadores de Patrocínio Paulista. O assunto foi levantando pelo vereador Marcos Roberto. Ele disse que foi até o setor jurídico da Prefeitura e se informou que já existem duas ações julgadas em segunda instância pedindo a derrubada de imóveis construídos em área irregular. "A situação é complexa e séria. Os donos de chácaras precisam contatar seus advogados e ficarem a par do que está havendo. Não vejo interesse do município em regularizar e, infelizmente, a Câmara não tem como resolver. Só alerto os proprietários que ainda não construíram, a não construírem até que seja resolvido o problema" disse Marcos.

A vereadora Néria Buzatto lamentou o que vem acontecendo já que, em alguns condomínios, existem pessoas morando, inclusive idosos. "Nós até rascunhamos um projeto de lei, mas essa não é uma prerrogativa do vereador. Nossa esperança é que a administração discuta essa questão no ano que vem e envie um projeto para a Câmara regularizando esses condomínios", disse Néria, lembrando que vários municípios da região criaram leis normalizando as responsabilidades em áreas rurais.

Lotação da lotérica volta a ser discutida na Câmara

Na sessão da última terça-feira, 10 de dezembro, o assunto das intermináveis filas na casa lotérica voltou a ser debatido pelos vereadores. A população tem enfrentado horas de espera para pagamentos de contas já que Patrocínio conta com uma única unidade na cidade. A maioria dos vereadores falou a respeito (veja a participação deles na palavra franqueada pelo Canal TV Câmara https://www.youtube.com/watch?v=yaXt13kT-Rs )

O vereador Vagner Andrade, que em maio de 2018 e setembro de 2019 solicitou a Caixa Econômica Federal a implantação de nova unidade em Patrocínio, voltou a ler o ofício que foi enviado pela Caixa que nega o pedido e justifica que a cidade não tem demanda para tal. A Caixa ainda diz que, além da casa lotérica, Patrocínio tem um correspondente bancário (o Caixa Aqui) mas, segundo Vagner, esse correspondente não faz todos os serviços que a lotérica.

Fato é que, da maneira que está hoje, com um local pequeno e poucos funcionários, não é possível continuar. Os vereadores são unanimes em afirmar que vão continuar lutando, junto a Caixa, para que ela reveja a solicitação ou mesmo que a atual unidade faça mudanças para atender a população da maneira adequada.

Ricardo Rocha vai presidir a Câmara em 2020

O vereador Ricardo Rocha foi eleito presidente da Câmara Municipal de Patrocínio Paulista para o exercício de 2020. A eleição aconteceu durante a sessão realizada na noite de ontem - a última ordinária do ano. Não houve chapa concorrente.

A eleição também escolheu a mesa diretora que vai trabalhar ao lado de Rocha no próximo exercício. O vice-presidente eleito foi Ricardo Magrin; o primeiro-secretário eleito é o vereador Vagner Andrade e o segundo secretário, Valdete de Jesus.

Será a sexta vez que Ricardo Rocha ocupa a cadeira de presidente da Câmara. A primeira vez foi em 1983.