CORONAVÍRUS

Vereadores aprovaram recursos de R$ 212 mil para contratação de profissionais que vão atuar em ações de combate à pandemia
 
A Câmara de Patrocínio Paulista aprovou durante sessão de ontem, 23 de junho, dois projetos de lei que destinam recursos para o enfrentamento ao coronavírus. O dinheiro será usado para compra de alimentos e contratação de pessoal. Veja:
O Projeto 37/2020 destina R$ 106.236,66 para aquisição de cestas básicas para atendimento aos usuários do Serviço de Assistência Social e para a contratação de dois profissionais que vão atuar no Serviço Social por um período de seis meses, sendo: um assistente social e um psicólogo.
Já o Projeto 38/2020, destina o mesmo valor, ou seja, R$ 106.236,66, para a contratação de dois enfermeiros; quatro técnicos de enfermagem e dois agentes comunitários. Esses profissionais vão atuar num período de quatro meses.
Segundo o secretário de Saúde, Valdeir Sanguino, serão chamados profissionais que já passaram por processo seletivo.
De acordo com a Prefeitura, os recursos já foram liberados, faltando apenas a aprovação do Legislativo. As matérias foram aprovadas por unanimidade.
 
***Subsídios Vereadores***
Ainda na sessão de ontem, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei 36/2020 que delibera os subsídios dos vereadores para o próximo mandato - de 2021 a 2024. Tanto o subsídio mensal do presidente do Legislativo quanto dos vereadores permaneceram inalterados. "Não vamos ter reajuste. Congelamos os subsídios de 2016, que valem para o próximo mandato", disse o presidente da Câmara, Ricardo Rocha.
Também foi aprovado o projeto 35/2020 que reajusta os subsídios do prefeito e vice-prefeito para o próximo mandato. Neste caso, houve uma recomposição e foi projetada a inflação, que passa a valer a partir de 2022.
 
 
Acesse o link abaixo e confira a íntegra da sessão ordinária realizada ontem.