Bairro João Lopes vai ganhar Unidade Básica de Saúde

A Câmara Municipal de Patrocínio Paulista aprovou, por unanimidade, o Projeto de Lei 41/2019 que autoriza a Prefeitura a abrir crédito adicional no orçamento, no valor de R$ 750 mil, para construção de uma UBS (unidade Básica de Saúde) no bairro João Lopes Sobrinhos.

De acordo com o Projeto, a unidade terá 312 metros quadrados e será construída na rua José de Figueiredo. Em breve o município deve anunciar o início das obras.

De acordo com o vereador Ricardo Rocha, que é presidente da Comissão de Finanças da Câmara, a construção se dará com recursos federais. "Essa é uma verba do Governo Federal que foi doada ao município especialmente para essa finalidade. Por isso, para que não se perca a verba, nós aprovamos em regime de urgência", disse Rocha.

Ao falar sobre o projeto, os vereadores disseram que a expectativa é que essa unidade tenha médicos, já que atualmente faltam profissionais na rede pública de saúde Patrocínio Paulista.

Acesse o vídeo abaixo e veja na íntegra a 23ª sessão ordinária, realizada na terça-feira, e as explanações a respeito desse projeto.

Câmara se une a pais de alunos para pedir segurança na escola Jorge Faleiros

Pais de alunos da Escola Estadual Jorge Faleiros lotaram o auditório da Câmara, na sessão de ontem, pedindo aos vereadores apoio para reivindicarem mais segurança na escola. No início dessa semana, cerca de dez alunos entre 16 e 17 anos que estudam nessa escola, foram levados para o conselho tutelar. Dois deles são suspeitos de compartilhar mensagens de ameaça contra o colegio através de um aplicativo de celular. Em uma das mensagens, há ameaça de um possível massacre. Os ataques ganharam repercussão alem das redes sociais. Apavorou pais e alunos.
Durante a reunião ontem, o presidente da Câmara, Ricardo Magrin, autorizou a formação de uma comissão de vereadores para junto com pais e conselheiros tutelares se reunir com a promotora de Justiça. O objetivo é pedir segurança do Estado. A reunião será daqui a pouco, às 13h30. Participam três vereadores, dois pais de alunos e dois conselheiros tutelares.
A Câmara está acompanhando passo a passo essa situação e está interferindo como pode para apoiar os pais e reivindicar segurança na unidade.

Sargento Camponi vai receber titulo de Cidadão Patrocinense

A Câmara aprovou na sessão da última terça-feira, 27 de agosto, o Projeto de Decreto Legislativo que concede o título de Cidadão Patrocinense ao sargento da Polícia Militar Leandro Eduardo Camponi. O projeto é de autoria da vereadora Néria Lúcio Buzatto.

Camponi tem 43 anos. Ele nasceu em São Paulo, capital, mas mudou-se para Patrocínio Paulista em 1994. Chegou a estudar na escola Escola Estadual Jorge Faleiros. Ele prestou concurso na PM trabalhando como servente de pedreiro.

O sargento é casado com uma patrocinense com quem tem dois filhos. Além de um sargento de destaque na corporação, Camponi também conquistou medalhas representando a Polícia Militar como esportista em levantamento de peso. Já na PM coleciona medalhas de mérito pessoal.

Atualmente, o sargento cursa ensino superior em Educação Física na cidade de Franca. "O título ao sargento dispensa comentários. Existe um divisor de águas na PM em Patrocínio Paulista antes e depois da chegada dele",, disse Néria, autora do projeto. A matéria recebeu aprovação unânime.

 

Veja os projetos aprovados em votação única na 20ª Sessão Ordinária

34/2019 – Aprimora e aperfeiçoa as relações entre a administração pública e os usuários dos serviços públicos, de modo a garantir a proteção e defesa dos diretos dos usuários dos serviços públicos prestados direta ou indiretamente pela administração pública.

37/2019 – Crédito adicional especial no valor de R$ 90 mil destinado para amortização de juros sobre a dívida efetuada junto ao Banco do Brasil, esclarecendo que o débito já está autorizado para ser debitado junto ao banco.


39/2019 – Crédito adicional especial no valor de R$ 560 mil destinados a abrir no orçamento vigente fichas separadamente evidenciando as horas extras pagas aos servidores públicos, diante da recomendação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. Os valores são para os meses de agosto a dezembro de 2019.


40/2019 – Disciplina os procedimentos de avaliação e desempenho para fins de estágio probatórios dos servidores públicos municipais.

 

https://www.youtube.com/watch?v=X5NxnyUdTzo&fbclid=IwAR0cK8vTPZK9bR3p_jEjp0YQnqKTifiq81nfzpbrFEITj3j8kbeDtqPlvBw