Câmara se une a pais de alunos para pedir segurança na escola Jorge Faleiros

Pais de alunos da Escola Estadual Jorge Faleiros lotaram o auditório da Câmara, na sessão de ontem, pedindo aos vereadores apoio para reivindicarem mais segurança na escola. No início dessa semana, cerca de dez alunos entre 16 e 17 anos que estudam nessa escola, foram levados para o conselho tutelar. Dois deles são suspeitos de compartilhar mensagens de ameaça contra o colegio através de um aplicativo de celular. Em uma das mensagens, há ameaça de um possível massacre. Os ataques ganharam repercussão alem das redes sociais. Apavorou pais e alunos.
Durante a reunião ontem, o presidente da Câmara, Ricardo Magrin, autorizou a formação de uma comissão de vereadores para junto com pais e conselheiros tutelares se reunir com a promotora de Justiça. O objetivo é pedir segurança do Estado. A reunião será daqui a pouco, às 13h30. Participam três vereadores, dois pais de alunos e dois conselheiros tutelares.
A Câmara está acompanhando passo a passo essa situação e está interferindo como pode para apoiar os pais e reivindicar segurança na unidade.